quarta-feira, 26 de setembro de 2007

Sobre o transporte público goiano.


Boa tarde amigos(?) leitores, venho hoje para tratar de um assunto no mínimo irritante e repetitivo, o sistema de transporte público da minha cidade (Goiânia), hoje pela manhã ao ouvir as queixas de um amigo, que ontem pela tarde enfrentou um ônibus lotado no centro da cidade, encarando o agradável cheiro das pessoas que "passeavam" alegremente pela cidade com ligeiras manchas de suor debaixo dos braços (vulgarmente conhecidas como pizzas), nas palavras do jovem Frederico (Freddy) : "Véi, andar de ônibus daquele jeito é desumano, eu nem precisei segurar de tanta gente que tinha, ainda teve um véi que pôs a pizza na minha cara, puta que pariu".
Lembrando que o Freddy anda pouco de ônibus e não se preocupa com muita coisa além do bíceps, logo cheguei a conclusão que se esse cara reclamou é porque realmente está uma merda.
Me resta agora, claro, por a culpa em alguém, primeiro vamos descrever o que é o Itatiaia - Centro as 18:oohs, é mais ou menos assim, você "entra" no ônibus por uma força estranha, é quase osmose, o ônibus te "chupa", e isso é só o começo, fatalmente o motorista odeia o emprego que tem e vai fazer de tudo pra tornar o seu fim de tarde um inferno, lá dentro do veículo você se depara com a visão do inferno, várias pessoas se amontoando, lutando fisicamente por um assento, crianças chorando, velhos pedindo lugar pra sentar, e homens fazendo o que fazem de melhor, fedendo, ahhh sim, claro, os jovens reclamando, obviamente, então você fica de pé, as pessoas conversando, uma dona insiste em dizer que alguém a bulinou, o que é horrível de se imaginar avaliando as condições corporais dela, o motorista aparentemente está carregando porcos em um caminhão se formos observar as manobras, lá dentro o calor impera, você se sente uma sardinha, tem sempre alguém conversando sobre a merda da vida, tem sempre alguém brigando, desafiando as leis da física (dois corpos não ocupam o mesmo lugar no espaço), não existe educação por parte de ninguém, nem da sua parte, pois agora você é um deles, enjaulado tentando sobreviver.
Enquanto isso eles aumentam mais um viaduto na cidade, motoristas fazem greve, o governo promete melhoras, motoboys e as vans do transporte alternativo aumentam o caos no trânsito, alguém provavelmente vai tentar te vender alguma coisa no ponto de ônibus, sua paciência, saúde e sanidade mental vão pro poço, e sabe o melhor da história? Você paga por isso.
Otário.

Ass: Robson Jr, goianiense, estressado, ex frequentador das linhas de ônibus e atualmente um andarilho, é melhor andar a pé que ser esmagado por uma porta automática no Terminal.

Passar bem.

1 comentários:

*Talitinha 28 de setembro de 2007 18:22  

Pois bem... voc� conseguiu a proesa de postar �s 14:14 hrs :)~
N�meros iguais :P (t� tr�la minha)
Bom, convenhamos que essa situa�o chega a ser bem c�mica, pricipalmente porqu� eu ouvi tudo da boca do Jovem Frederico. Condi�es subumanas, lembro-me bem destas palavras.
Grande governo que n�s temos, de nada adiantam reclama�es.
Ah, sim, isso acaba com a reputa�o(e milhares de coisas citadas por voc� a mais :P) de algu�m, o ato de andar em um �nibus como o Itatiaia. Mas o que podemos fazer se s�o nossos meios de locomo�o! �, andar al�m de fazer bem � sa�de (com sua devida modera�o) ainda � de gra�a. Mas, somos escravos do tempo tamb�m. � dif�cil com o n�vel de atividades que alguns fazem poder apenas andar e chegar a tempo de conseguir fazer alguma coisa. N�o sei o que dizer.
-
Sim, motivos de revolta total.

Esse blog foi feito...

Para pensadores esclarecidos, ou não...
Para poetas clássicos, ou não...
Para leitores convictos, ou não...
Para você, ou não...
Para mim, ou não...
Para sua mãe, sempre!

  © Blogger template 'Star Wars' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP